Como criar uma estratégia de marketing digital

Quando falamos em Marketing Digital é comum o pensamento entre gestores e donos de empresas que somente estratégias complexas trazem bons resultados.

Os benefícios do marketing online não aparecem do dia para a noite. Na maioria dos casos leva algum tempo, mas com a estratégia certa (e o acompanhamento correto) é possivel alcançar os objetivos e colher ótimos frutos.

Neste post mostramos passo a passo como criar uma estratégia de marketing digital efetiva para melhorar o desempenho da sua empresa e gerar resultados sem investir muito.

O que é Marketing Digital?

O marketing digital engloba todos os esforços de marketing que usam um dispositivo eletrônico ou a Internet. Em outras palavras, é qualquer forma de marketing que existe no online.

O objetivo do marketing sempre foi conectar uma empresa com seu público-alvo, no lugar certo e no momento certo. Atualmente isso significa que você precisa encontrar o seu público onde ele gasta uma boa parte do tempo: na Internet.

Não há dúvida de que, no cenário moderno, grande parte da estratégia de marketing deve estar focada no digital.

Para conquistar novos clientes e aumentar as vendas é essencial utilizar os canais digitais, como buscadores, redes sociais, email e sites.

Por que investir em marketing digital?

Para muitas empresas, marketing digital é a única maneira de se fazer marketing atualmente, porque é mais barato e mais rápido. Outro motivo é que os resultados são medidos mais facilmente.

Vantagens do Marketing Digital

Baixo Custo: Você pode desenvolver uma estratégia de marketing online sem grandes investimentos (ou até sem custo!) e até substituir canais mais dispendiosos como TV, rádio e revistas.

Simples de Medir: Ao contrário dos métodos tradicionais, no marketing digital você pode ver em tempo real o que está ou não está funcionando para o seu negócio. É possível adaptar-se rapidamente para melhorar os resultados.

Resultados em Tempo Real: Você pode acompanhar o número de visitantes no seu site em tempo real, conhecer as taxas de conversão e as ações realizadas no site ou blog.

O que significa estratégia de marketing digital

Uma estratégia de marketing digital é o conjunto de ações que ajudam você a atingir os objetivos da sua empresa através de canais de marketing online selecionados com critério.

O termo “estratégia” pode parecer intimidador, mas a criação de uma estratégia digital eficaz não precisa ser difícil.

Google Analytics
Marketing Digital demanda planejamento, estratégia, pesquisa e acompanhamento constante do trabalho executado

Em termos simples, uma estratégia é apenas um plano de ação para atingir um objetivo desejado (ou múltiplos objetivos). Por exemplo, seu objetivo principal pode ser gerar neste ano 25% mais leads através do seu site.

Se você não tem uma estratégia, como você poderá crescer, inovar, medir resultados significativos e aprender com os erros do passado?

Como criar uma estratégia de marketing digital

Para criar uma estratégia de marketing digital você pode seguir os seguintes passos:

  1. Construir suas personas.
  2. Identificar seus objetivos e as ferramentas de marketing digital que você precisa.
  3. Avaliar seus canais digitais.
  4. Planejar e criar suas campanhas de mídia.

Passo 1: Construir suas personas

Para qualquer estratégia de marketing (offline ou online) você precisa saber para quem está fazendo marketing (óbvio, não?).

As melhores estratégias de marketing digital são construídas com base em personas detalhadas do cliente, por isso o primeiro passo da estratégia é a criação das buyer personas.

Estas personas representam seu cliente ideal e podem ser criadas por meio de pesquisas e entrevistas com o seu público-alvo.

É importante observar que essas informações devem ser baseadas, sempre que possível, em dados reais. Fazer suposições sobre seu público pode levar sua estratégia de marketing a uma direção errada.

Para obter uma imagem coerente da sua persona, seu pool de pesquisa deve incluir uma mistura de clientes, clientes em potencial e pessoas fora do banco de dados de contatos que se alinham ao público-alvo.

Mas que tipo de informação você deve reunir para criar a sua persona? Isso depende da sua área de atuação, e é muito provável que varie dependendo se você é B2B ou B2C, ou se o seu produto é de alto custo ou baixo custo.

Um bom ponto de partida seria:

  • Dados quantitativos (ou demográficos): Localização, Idade, Receita e Profissão.
  • Dados qualitativos: Objetivos, desafios, interesses e prioridades.

Passo 2: Identificar objetivos e as ferramentas de marketing digital

Seus objetivos de marketing devem estar sempre atrelados aos objetivos fundamentais do negócio.

Por exemplo, se a meta da sua empresa é aumentar a receita online em 30%, sua meta como profissional de marketing pode ser gerar 50% mais leads através do site em comparação ao ano passado.

Qualquer que seja seu objetivo principal, você precisa saber como medi-lo e, mais importante, realmente ser capaz de medi-lo. O que isso significa? É necessário ter as ferramentas certas de marketing digital.

Como você mede a eficácia de sua estratégia digital será diferente para cada negócio e dependente de seus objetivos, mas é vital garantir que você seja capaz de fazer isso, pois são essas métricas que ajudarão você a ajustar sua estratégia no mercado.

Alguns exemplos de ferramentas de marketing digital (gratuitas) são:

  • Mailchimp (Email Marketing)
  • Google Analytics
  • CMS (WordPress)
  • Google Ads
  • Google Trends
  • Facebook Audience Insights
  • Evernote
  • Medium (Blog)
  • Trello

Passo 3: Avaliar seus canais digitais

Chegou o momento de avaliar seus canais e recursos de marketing digital disponíveis. Neste ponto, uma boa ideia é ter uma visão geral para evitar ficar sobrecarregado.

Reúna tudo o que você tem e categorize cada canal ou ativo em uma planilha, para que você tenha uma imagem clara de suas mídias (próprias ou pagas).

Cada mensagem que sua marca transmite pode geralmente ser classificada como conteúdo, seja sua página “Sobre nós”, descrições de produtos, postagens em blogs, e-books, infográficos ou postagens em redes sociais.

O conteúdo ajuda a converter os visitantes do seu site em leads e clientes, e também ajuda a elevar o perfil da sua marca online.

Qualquer que seja seu objetivo, você precisa usar o seu conteúdo próprio para formar sua estratégia de marketing digital.

Passos para avaliar seu conteúdo

Passo 1: Audite seu conteúdo

Faça uma lista do seu conteúdo existente e classifique cada item de acordo com o que já teve melhor desempenho em relação às suas metas atuais.

Por exemplo, se o seu objetivo é gerar leads, classifique-os de acordo com o que gerou mais leads no ano passado. Isso pode ser um post de blog específico, um e-book ou até mesmo uma página específica no seu site que esteja convertendo bem.

Passo 2: Identifique lacunas no seu conteúdo

Com base nas suas personas, identifique quaisquer lacunas no conteúdo que você possui. Exemplo: você tem um blog mas as pessoas não assinam sua lista de email. Será que um e-book não geraria mais conversões neste caso?

Passo 3: Crie um plano de criação de conteúdo

Com base em suas descobertas e nas lacunas que você identificou, crie um plano de criação de conteúdo descrevendo o conteúdo necessário para ajudá-lo a atingir suas metas.

Pense nos títulos, formato, objetivo, canais que você irá utilizar para promover o conteúdo e nível de prioridade (qual conteúdo trará mais resultado).

Passo 4: Planejar e criar suas campanhas de mídia

Você definiu seus objetivos, construiu suas personas e avaliou seus canais digitais, então agora chegou o momento de se conectar com seu público-alvo.

Saber onde promover seu conteúdo é tão importante quanto criar o conteúdo. Os canais escolhidos para divulgação de seus produtos ou serviços podem variar de acordo com sua empresa e seu público-alvo.

É sempre bom testá-los e ver quais resultados eles retornam antes de descartá-los.

Planejamento das campanhas

Você deve planejar suas campanhas pensando em 3 pontos: adquirir clientes, desenvolver a marca e se conectar com o público-alvo.

Pensando nisso, você precisa definir onde irá atuar. Utilize as informações coletadas na criação das personas para saber quais canais usar.

As campanhas podem utilizar mídia paga (Exemplo: Google Ads, Facebook Ads) ou sua própria mídia (Redes sociais, Blog e Email Marketing).

Uma das coisas que irá determinar o sucesso das suas campanhas será o uso correto destes canais.

Exemplo: se você é uma empresa B2B e seu objetivo é aumentar as vendas, talvez o mais indicado seja focar no Google Ads ou no Linkedin. Facebook e Instagram poderiam ficar para uma campanha de branding.

Criando campanhas nas redes sociais

Muitos empreendedores ainda se deparam com dúvidas como “É preciso criar perfil em mais de uma rede social?” ou “É uma boa ideia criar um perfil no Instagram?” e a resposta que recebem para estas perguntas é quase sempre “depende“.

As redes sociais são item fundamental em qualquer boa estratégia de marketing digital. São diversas as opções de redes sociais disponíveis na Internet, cada uma com seus públicos e funcionalidades bem definidos.

Hoje em dia para ter sucesso nas redes sociais, já não basta criar várias contas e atualizá-las no tempo vago.

Aproveite melhor o conteúdo do seu blog publicando nas redes sociais. Inclua links para seu site ou blog nas postagens.

Como a maioria das redes sociais limitam o alcance das publicações, invista em publicações patrocinadas para alcançar mais pessoas (e gerar mais tráfego para o site).

Algumas dicas simples para campanhas efetivas nas redes sociais são:

  • Utilize um calendário editorial.
  • Publique conteúdo relevante e de qualidade.
  • Fale a língua do seu público.
  • Interaja com seus seguidores, esclareça dúvidas e responda aos comentários.

Utilizando Email Marketing

O Email Marketing é uma excelente ferramenta para fortalecimento da sua marca, gerar vendas e melhorar a comunicação com clientes e potenciais clientes.

Para melhores resultados, a dica é segmentar suas listas de acordo com fatores como preferências, localização, taxa de abertura dos emails ou área de atuação.

Se sua lista de email é pequena, considere investir mais na criação de conteúdo para o Blog e campanhas nas redes sociais.

Alguns exemplos de emails que você pode utilizar são:

  • Emails  de boas-vindas
  • Emails informativos
  • Datas comemorativas
  • Promoções
  • Pós-venda

Medindo os resultados

O trabalho não deve parar depois da implementação da estratégia. O próximo passo é um dos mais importantes: analisar os resultados.

A análise dos resultados é um pilar fundamental para otimizar com sucesso o desempenho e os gastos com marketing digital.

É importante medir cada ação usando os KPIs para descobrir se alcançou seus objetivos e teve retorno.

Mensurar a eficácia das estratégias e atividades implementadas na estratégia de marketing digital irá ajudar a corrigir o que não funciona para atingir as metas definidas.

O mundo digital evolui rapidamente, por isso você precisa estar atento a todo momento para identificar oportunidades e espaço para melhorias.

Gostou? Então Compartilha ;-)

Uma resposta para “Como criar uma estratégia de marketing digital”

  1. O Marketing Digital ainda tem muito a oferecer a nós empreendedores, basta saber explorar. Sem uma estratégia fica cada vez mais difícil de conseguir bons resultados. Parabéns pelo post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *